SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
Dúvidas Frequentes – FAQ

1 – O que é um FAQ?

R.:  FAQ é um acrônimo da expressão inglesa Frequently Asked Questions (Perguntas mais frequentes) e constitui uma compilação de perguntas frequentes acerca de determinado tema. Nesta ajuda online o FAQ visa solucionar algumas dúvidas simples do usuário, sempre de forma simples e direta. Se o usuário não encontrar a solução no Help ou no FAQ, a dúvida deverá ser enviada ao suporte (veja este Link) para que futuramente seja inserida no FAQ ou no Help.

2 – O que é o Kid/Kidball?

R.: O Kid e o Kidball são robôs móveis fabricados pela empresa Xbot, que é uma empresa brasileira com sede em São Carlos – SP.

3 – Quanto custa o Kid/Kidball? Onde eu compro?

R.: Para cotações ou outras informações sobre vendas, entre no site da Xbot –  www.xbot.com.br.

 4 – Como acessar os arquivos, drivers e documentos do robô?

R.: Primeiramente, acesse  www.xbot.com.br/externo . Utilize o usuário “xbot” , senha “1234xbot” e acesse o link do Kid ou Kid Ball.

5 – Temos o robô Kid a um bom tempo, mas não localizamos a documentação ou o manual, poderiam enviar o material?

R.: Não é enviado junto ao Kid softwares e sim disponibilizado no site da empresa, pois pode constantemente sofrer alterações e melhorias. Acesse os arquivos como indicado no item anterior.

6 – Os sensores estão com defeito!

R.: Os sensores podem necessitar uma calibração. Consulte este link para entender como proceder.

7-  Tento gravar o programa no robô, mas há erro de comunicação!

R.: Consulte este link. Se o problema persistir, entre em contato com o nosso suporte técnico.

 8- Eu faço o download para o robô com sucesso, mas o robô não se movimenta!

R.: Primeiro verifique os interruptores, veja se a chave de programação foi desligada. Se estiver tudo OK, verifique se o programa que está sendo gravado no robô é o prog.hex e não o arquivo do Kidsensor ou Kidmanual. Verifique também se as baterias estão carregadas. Se o problema persistir, entre em contato com o nosso suporte técnico.

9- Qual é o microcontrolador utilizado, posso gravar utilizando outros softwares?

R.: O microcontrolador utilizado é o PIC 16F876A. O microcontrolador fornecido pela Xbot contém um Bootloader, ou seja, um software que permite que haja gravação no microcontrolador sem que seja necessário remover o PIC. Portanto, ao usar um gravador que não foi indicado pela Xbot o usuário correrá o risco de apagar o Bootloader.

10 – Como é realizada a comunicação com o robô?

R.: A comunicação pode ser realizada de duas formas. O padrão é enviar o programa via software do Kid e o robô executa de forma autônoma o programa enviado. A segunda forma é por comunicação serial RS232, onde é enviado ao robô previamente um programa para a comunicação e em seguida as instruções do que fazer são enviadas pelo computador.

11 – É possível utilizar Bluetooth, ZigBee ou outras formas de comunicação sem fio?

R.: Sim, é possível. Mas é necessário construir ou comprar um conversor de RS232 para o protocolo de comunicação sem fio desejado.

 12 – Eu preciso montar o Kid ou Kid Ball, mas misturei os componentes. Como faço para diferencia-los? 

R.: Primeiramente consulte a lista de materiais do Kid e do Kid Ball. Os componentes mais difíceis de diferenciar são os leds emissores e receptores. Para diferenciar emissor do receptor quando ambos são transparentes, é só olhar por cima do led. No emissor é possível ver com facilidade o núcleo (um quadrado maior) e no receptor o núcleo é menor.

 13- É possível conectar uma fonte de tensão externa em vez de pilhas?

R.: Sim, mas atente ao conector e a polaridade (positivo e negativo). A tensão deverá ser de 5V.

 14 – O Kid pode ser utilizado em ambientes inclinados? Quais os problemas e soluções?

O Kid  foi projetado para ambientes nivelados, é necessário fazer várias adaptações para se trabalhar com inclinações. Vou listar alguns problemas e propostas de soluções:

a) Sensores de linha

Os sensores de linha irão colidir com o piso, o aumento de apenas o diâmetro da roda não é possível, pois irá pegar na placa de circuitos. Duas soluções são possíveis:

– Reduzir o comprimento dos sensores dianteiros: será necessário marcar se é o sensor da frente/trás do par e a polaridade (direção). É necessário um ferro de solda para retirar os sensores e coloca-los de volta. Se não irão utilizar estes sensores, os mesmos podem ser removidos temporariamente também. Se o utilizam para guiar o robô, é bom não afastar muito do piso, apenas o suficiente para subir a rampa. Lembrando que se cortarem as “pernas” dos sensores, não será possível voltar à sua configuração inicial sem a compra de novos sensores.

– Aumentar o tamanho do eixo do motor, diâmetro das rodas e roda traseira: seria necessário colocar um extensor de eixo, uma roda de maior diâmetro e uma roda traseira compatível com a nova altura. A Xbot não possui estes componentes, é ncessário fazer uma pesquisa de fornecedores e achar componentes compatíveis com o diâmetro do eixo utilizado nos Kids originais.

b) Sensores de distância

– Altura da inclinação: dependendo da altura da inclinação, os sensores de distância podem identificá-la como obstáculo. Dependendo da altura/inclinação, também poderá afetar os sensores de contato. Neste caso, quanto menor a inclinação ou comprimento da pista inclinada, melhor.

c) Equilíbrio do robô

– Na descida de uma inclinação, o robô poderá inclinar para frente. Como a distribuição de peso e apoios no piso foi projetada para ambientes planos, ao descer  ele poderá inclinar para frente (da mesma forma que ocorre quando está sem as pilhas). Um contrapeso na região traseira do robô deverá solucionar, mas cuidado para não colocar peso demasiado, pois pode afetar o desempenho dos motores.


Leave a Reply

http://www.xbot.com.br/help_kid_kidball/?page_id=35You must be logged in to post a comment.

»  Substance:WordPress   »  Style:Ahren Ahimsa
© XBot – Robótica para Educação, Pesquisa e Entretenimento © 2008/2013